Sabia que as enxaquecas podem ter origem nas bactérias da boca?

A enxaqueca é uma doença cujo principal sintoma é uma dor de cabeça tão intensa, que pode dar origem a tonturas, perda de visão ou vómitos. Foi já considerada pela OMS como uma doença incapacitante e calcula-se que afecte entre 12 a 16% da população mundial.

Até agora sabia-se que as enxaquecas estavam relacionadas com a ingestão de certas substâncias e alimentos, como por exemplo, o café, o vinho ou o chocolate.

Uma equipa de investigadores da Universidade de Medicina da Califórnia, em San Diego, analisou amostras orais de 2200 pessoas. Aquelas que disseram sofrer de enxaquecas eram aqueles que tinham mais micróbios na boca e que alteravam os níveis de nitrato de alguns alimentos como o vinho, o chocolate, as carnes e alguns vegetais.

O que acontece é que os nitratos dos alimentos são decompostos pelas bactérias que estão alojadas na nossa boca. Quando tal acontece, é produzido um subproduto químico que, quando entra na corrente sanguínea dá origem ao óxido nítrico (um neurotransmissor, que dá ao cérebro uma mensagem para que este transmita os sinais de dor que sentimos na enxaqueca).

No entanto, os investigadores ainda não podem assegurar que os micróbios presentes na boca sejam os principais culpados, mas esta descoberta com certeza ajudará a chegar a formas alternativas de tratamento para a enxaqueca.

Segundo o Dr. Zitney, Diretor do Headache & Pain Relief Centre, esta investigação sugere que algumas enxaquecas podiam um dia ser tratadas mediante o controlo das bactérias que se alojam na boca.

Para já, e para prevenir, continue a seguir os cuidados de higiene oral recomendados (lavar os dentes pelo menos duas vezes por dia e passar fio dentário pelo menos uma vez ao dia). E mesmo que não sofra de enxaquecas só terá vantagens!

Marcar Consulta de Avaliação